Prefácio (Montanha e água)

De Ooshin
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido. Ajude e colabore com a tradução.
はしがき Prefácio
私は最近、古い文庫の中から見つけ出した中に、昭和六年から十年にかけて五年間に詠んだ千数百首の短歌が表われた。読んでみると、人の作品かと思わるる程に忘れている歌が大部分だ。しかしこのまま葬るには惜しい気がする。という訳で取捨選択すると共に幾分の添削もし歌集として今回出版することとなったのである。 Ultimamente me deparei, em minha antiga biblioteca, com algumas centenas de tankas[1] que compus durante cerca de 5 anos, entre 1931 e 1935. Eu já não lembrava da maioria deles, nem os reconhecia mais como de minha autoria. De qualquer maneira, seria uma pena descartá-los. Desta forma, após uma seleção e revisão, estou publicando esta coletânea de poesias.
私は歌は本格的に習ったのではない。ただ好きなため、昔から今日までの本を多少読んだくらいで、まず素人歌人といってもいい。ところが万葉や古今調は、現代人にはあまりにも難解であり、といって現代調は新傾向に捉われすぎ、写実に走りすぎて品位に乏しい憾みがあると共に、言霊(ことたま)に於ても無関心なため、はなはだ玲瓏(れいろう)味をかいている等々で、どうも得心が出来ない。というような次第で、私は私としての個性を発揮したつもりであるから可否は読者の批判に任せるのである。 Nunca estudei sobre poesia de maneira profissional, mas como gosto muito de poesias, já li muitos livros sobre este assunto ao longo dos anos, então pode-se dizer que sou um poeta amador. A poesia clássica dos períodos de Nara e Heian são muitos difíceis para que as pessoas da atualidade consigam entender, também, é uma pena que a poesia atual seja tão carente em qualidade e também seja influenciada por qualquer tipo de moda que aparece. Falando de forma clara, há uma falta de caráter [nos poetas atuais] e como não há nenhuma preocupação com o kototama, as poesias se tornam simples “adornos brilhantes”. A poesia moderna não é comovente, também não fala diretamente com o coração das pessoas. Esta é minha opinião acerca da poesia, cuja qual procurei manifestar minha individualidade. Agora, se realmente consegui atingir este objetivo ou não, deixo essa resposta à cargo dos meus leitores.
昭和弐拾四年十月

熱海の寓居にて

明麿

Em minha humilde residência temporária de Atami

Outubro de 1949
Akemaro[2]


  1. Tanka é um estilo de poema japonês. Pode ser traduzido como "poema curto" (tan = curto, e ka= poema).
  2. Akemaro é o nome utilizado por Meishu-Sama para compor poemas.