Nutrição

De Ooshin
Revisão de 02h58min de 29 de novembro de 2019 por 187.74.91.153 (Discussão)

(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

Há vários Ensinamentos de Meishu-Sama sobre Nutrição, no qual ele critica a ciência nutricional atual, por considerá-la materialista, não considerando os aspectos espirituais nem as funções orgânicas do corpo humano.


Abaixo foram reunidos Ensinamentos de Meishu Sama sobre o tema.

Nutrição[editar]

A CARNE É UM ALIMENTO VELHO, COM POUCOS NUTRIENTES

"Por princípio, a carne é um alimento de idade avançada (...). A carne, por ser produto de origem animal, está próximo da matéria residual. (...) Diz-se que a carne é nutriente, mas ocorre o inverso. Como ela é algo acabado e velho, é idêntico ao ser humano, que ao atingir a maturidade, envelhece. (1953)."

COMA ALIMENTOS QUE NÃO TEM SABOR

"O homem deve consumir alimentos que não tem sabor. A seguir, comer alimentos de sabor fraco. Por isso consumir arroz e água, porque não possui sabor e, a seguir, o missô shiru (sopa de soja fermentada) e cozidos que têm o sabor mais fraco. E a seguir comer alimentos com temperos fortes apimentados ou azedos, mas os que têm cheiro forte não consumir muito."

QUEM COME OS PRODUTOS DA AGRICULTURA NATURAL, NÃO GOSTA MAS DE COMER PRODUTOS PRODUZIDOS COM AGROTÓXICOS

"O maravilhoso sabor dos produtos cultivados pela agricultura natural merece especial menção. Qualquer um que sinta o sabor do arroz, cevada, ou vegetais cultivados pela Agricultura Natural, não gostará mais de comer estes alimentos produzidos por fertilizantes nunca mais. Na verdade, eu só como alimentos cultivados sem fertilizantes. Afortunadamente, desde que os agricultores que praticam o cultivo sem fertilizantes estão aumentando cada vez mais, eu presentemente recebo mais vegetais do que posso consumir. Da mesma forma, as colheitas de frutas têm aumentado desde que o uso dos fertilizantes artificiais foi abandonado. Todos os fazendeiros estão gratos pela qualidade de suas colheitas é boa e que seus rendimentos têm aumentado. As flores das plantas ornamentais também são grandes e suas cores são brilhantes e belas. As pessoas ficam felizes porque essas flores duram mais quando usadas em arranjos florais."

CURA DA TUBERCULOSE ATRAVÉS DA DIETA VEGETARIANA

"Eu estava acometido pela pleurisia quando tinha quinze anos. Eu me curei completamente após um ano de tratamento médico. Eu fiquei saudável por um tempo, mas tive um recaída. Nesta ocasião, eu não me recuperei satisfatoriamente, e, gradualmente, minha saúde foi de mal a pior. Após mais de um ano, fui diagnosticado com tuberculose no estágio III. Eu tinha dezoito anos nesta época. Por último, fui examinado pelo então renomado Dr. Tatsukichi Irisawa. Ao fim do exame, o referido médico disse que não havia mais esperanças de cura. Mediante esta notícia, eu tomei uma decisão. Se estava condenado a morrer como resultado da evolução da doença, eu não tinha escolha a não ser buscar uma cura miraculosa por algum método diferente.

Nesses dias, pintar era minha única distração. Um dia, eu estava olhando para um álbum com antigas pinturas e folhei um com ilustrações de ervas utilizadas pela Medicina Chinesa. Quando estava olhando para estas ilustrações, repentinamente, compreendi que eu estava comendo uma grande quantidade de alimentos de origem animal, como bifes e carne de frango, e até arroz cozido no leite. Naqueles dias, os médicos defendiam as comidas de origem animal como as melhores para nutrição. Portanto, eu comia de acordo com estas recomendações. De qualquer forma, quando olhei para este álbum, eu compreendi que os vegetais também contêm “medicina” e nutrição."

Quando comecei a pensar sobre isso, percebi que a dieta da era das guerras civis japonesas (meados do século XIV até o fim do século XVI), por exemplo, era, em sua maior parte, vegetariana. E apesar desta não ser valorizada, os fatos históricos mostram que vários heróis apareceram, um após o outro. Baseado nisto, pensei que a dieta vegetariana poderia ser boa. Em particular, pensei que os japoneses eram, de maneira geral, vegetarianos. Por isso, eu resolvi tentar uma dieta vegetariana."

"Para ser prudente, de qualquer forma, eu tentei segui-la, inicialmente, apenas por um dia. Como me senti melhor, continuei comendo-a por mais dois dias. Neste período, melhorei ainda mais. Por causa disso, conscientizei-me do erro da medicina ocidental. Após uma semana, deixei de tomar os medicamentos. Eu continuei comendo desta maneira, e minha doença foi curada, completamente, em cerca de um mês. Eu continuei comendo uma dieta vegetariana por três meses. Como resultado, tornei-me mais saudável do que eu era, antes da doença. Depois disso, tive outras doenças, mas nunca desenvolvi sintomas de tuberculose novamente. Então, é claro que eu me restabeleci completamente. Mais de quarenta anos se passaram, e eu estou, atualmente, com sessenta anos de idade, e minha saúde é primorosa. Se vocês considerarem isso, entenderão que minha tuberculose foi completamente curada."

OS VEGETAIS POSSUEM MAIS NUTRIENTES

"Diz-se que a carne possui nutrientes mas, na verdade, é o contrário. Como a carne é um produto acabado, é como o ser humano que, ao se aperfeiçoar, torna-se idoso. No caso de vegetais, comparativamente, é como se fosse um ser humano novo, como os bebês. Por isso, ao comer vegetais, por um tempo a pessoa parece estar desnutrida, mas por ser um alimento tosco, ela adquire maior vitalidade. Para o corpo físico, realmente, o alimento vegetal oferece maior força." (1º maio de 1953)

ERRO DA CIÊNCIA NUTRICIONAL DA ATUALIDADE

"O erro fundamental da ciência nutricional da atualidade é que ela estuda, principalmente, um de dois aspectos relacionados à nutrição. Isto é, ela tem estudado apenas o alimento, negligenciando as funções de ingestão e processamentos da comida do corpo humano. Essencialmente, o trabalho das funções internas do ser humano compara-se a de um químico, não podendo ser explicado mesmo através dos princípios científicos atuais. As funções digestivas do corpo humano produzem os elementos nutritivos necessários de todos os tipos de alimentos." (05 de fevereiro de 1947)

O APARELHO DIGESTIVO TRANSFORMA OS ALIMENTOS EM NUTRIENTES

“A proporção entre a força nutricional dos alimentos e a força de transformação do aparelho digestivo é de meio a meio, mas o principal é o aparelho digestivo. Isso porque, se o aparelho digestivo for perfeito ele transforma uma comida simples em nutrientes, mas como é do conhecimento de todos, mesmo que consuma nutrientes, se o aparelho digestivo não funciona perfeitamente, ficará desprovido de nutrientes.”

O PROCESSO VITAL É DESENVOLVIDO PELO SISTEMA DIGESTIVO

"Primeiramente, as pessoas ingerem alimentos. Alimentos são triturados pelos dentes e adentram o estômago via esôfago. Depois, alimentos descem aos intestinos. Partes inúteis dos alimentos são transformados em fezes e urinas, e são eliminados. Durante este processamento, o fígado, a vesícula biliar, rins, pâncreas e outros órgãos produzem, extraem e distribuem os elementos nutritivos para o metabolismo do sangue, músculos, ossos, pele, cabelos, dentes, unhas e demais partes do organismo. O processo vital é desenvolvido através dessas atividades, que vão além da imaginação. Verdadeiramente, este misterioso, sutil e profundo milagre da criação não pode ser descrito em palavras. Esse é o estado real da Natureza".

NA COMIDA FEITA FORA NÃO HÁ SINCERIDADE

Na comida feita fora não há sinceridade. Na comida feita em casa atua o sincero sentimento de: “É em meu benefício”, por isso é saboroso.