Fim da primavera e início do verão

De Ooshin
Ir para: navegação, pesquisa


Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido. Ajude e colabore com a tradução.
Searchtool right.svg
A tradução deste artigo contém erros ou precisa de melhorias. Caso queira colaborar ajude a melhorar a qualidade da tradução. Consulte a página de Página de Discussão para maiores detalhes.
春すぎぬ Fim da Primavera e início do verão
01
雨はれて 露もしとどの 篁の 下かげ青く 苔の花咲く
AMEHARETE TSUYUMOSHITODONO TAKAMURANO SHITAKAGEAOKU KOKENOHANASAKU
01
O céu se abre após a chuva
Embaixo da sombra de um bambuzal repleto de orvalho
Cobre-se de flores o musgo verde.
02
青あおし 芭蕉の広葉に 青蛙 さゆるぎもせで 雨に濡れをり
AOAOSHI BASYONOHIROHANI AOGAERU SAYURUGIMOSEDE AMENINIREORI
02
Na folha larga e de verde profundo de uma bananeira
Um sapo verde balança molhado pela chuva.
03
五月雨の 霽るると見れば 遠方に 雲の峯並み うすら虹見ゆ
SAMIDARENO HARURUTOMIREBA OTIKATANI KUMONOMUNENAMI USURANIJIMIYU
03
Após a pancada da chuva de verão,
Olhando ao longe,
Avista-se, em meio às montanhas de nuvens, um tênue arco-íris.
04
茂り合ふ  木の下闇に ほの白く 山百合の花 いくつか浮ける
SHIGERIAU  KONOSHITAYAMINI HONOSHIROKU YAMAYURINOHANA IKUTUKAUKERU
04
Do escuro abaixo das árvores que se amontoam
Vejo surgir o leve branco de inúmeros lírios.
05
田植歌 のどかにきこえ 野の家の どこも人気の 見えぬ真昼間
TAUEUTA NODOKANIKIKOE NONOIENO DOKOMOHITOKENO MIENUMAHIRUMA
05
Em plena luz do dia
Sem se avistar ninguém nas casas do campo
Paira a tranquila canção no arrozal.
06
夕さりて 青田を渡る 風涼し 行手の闇を 蛍かすめぬ
YUSARITE AOTAWOWATARU KAZESUZUSHI YUKUTENOYAMIWO HOTARUKASUMENU
06
Anoitece
Cruzando o arrozal verde
Ao vento fresco
A escuridão de alguém que vai
Que mesmo os vagalumes não fenecem.
07
新緑の 木の香をのせて 今日更えし 衣の袖を 風ふきすぐる
SHINRYOKUNO KINOKAWONOSETE KYOUKAESHI KOROMONOSODEWO KAZEHUKISUGURU
07
Carregando a fragrância da nova folhagem das árvores,
Nas mangas de minhas recém-trocadas roupas de verão
O vento sopra.
08
池の面に うつる松影 黒ぐろし 新月の光 かそけくも見ゆ
IKENOMONI UTSURUMATSUKAGE KUROGUROSHI SHINGETSUNOKAGE KASOKEKUMOMIYU
08
Na superfície do lago
No reflexo profundo e escuro da sombra do pinheiro
Começa-se a ver o brilho tênue da lua nova
09
風薫り 青葉光れる 初夏の 庭に下りたてば 胸のひろぎぬ
KAZEKAORI AOBAHIKARERU HATSUNATSUNO NIWANIORITATEBA MUNENIHIROGINU
09
Ao descer e adentrar o jardim no inicio do verão,
Com suas reluzentes folhas verdes e o perfume da brisa,
Meu peito se enche de alegria.
10
咲く花も はや水無月と なりし今日 池の辺に咲く 杜若花
SAKUHANAMO HAYAMINAZUKITO NARISHIKYOU IKENOHENISAKU KAKITSUBATABANA
10
As flores desabrochando
E já é junho
Hoje brotam as iris ao redor do lago.
11
夕まけて 八景園の 高台ゆ 眺むる海に 漁火またたく
YUMAKETE HAKKEIENNO TAKADAIYU NAGAMURUUMINI ISARIBIMATATAKU
11
Cair da noite
Das alturas do
Jardim das oito vistas
Contemplando o mar
O farol de pesca novamente piscando
12
たそがれの 庭むらさきの 朝顔の 蕾見いでて 心たのしも
TASOGARENO NIWAMURASAKINO ASAGAONO TSUBOMIMIIDETE KOKOROTANOSHIMO
12
Vejo os brotos das roxas glorias da manha
No crepúsculo do jardim
E meu coraçãoo se diverte.
13
田の家の 軒の梅の実雨に濡れ 青あおしもよふとあふぐ眼に
TANOIENO NOKINOUMENOMIAMENINURE AOAOSIMOYOFUTOAUGUMENI
13
Casa no arrozal ー
no beiral, uma árvore com umês verdes
respingados pela chuva. Olho embevecido...